Thiago Wild sai na frente, mas não resiste a Rune na segunda rodada em Wimbledon

0
3
Thiago Wild sai na frente, mas não resiste a Rune na segunda rodada em Wimbledon

Thiago Wild começou bem e chegou a sair na frente, mas não resistiu a um inspirado Holger Rune na segunda rodada de Wimbledon nesta quarta-feira (4). O dinamarquês, atual 15º da ATP, venceu com parciais de 3-6, 6-3, 6-2 e 6-2, em 2h12.

O número 1 do Brasil fez um primeiro set praticamente perfeito, perdendo apenas quatro pontos no serviço e com 11 winners, contra apenas três erros não forçados, porém, Rune, a partir daí, elevou o nível.

O dinamarquês não cedeu mais nenhuma quebra até o fim do duelo e terminou o jogo com 29 winners a mais do que erros não forçados (56 a 27). Wild teve algumas chances para dificultar a vida de Rune no início dos sets 3 e 4 — foram seis break points oportunizados no total –, mas o ex-top 10 conseguiu jogar o seu melhor nos momentos decisivos para assegurar a vitória.

Leia também:

Confira as principais figuras que vão ficar de fora dos Jogos Olímpicos de Paris
Hurkacz sofre lesão a um ponto de forçar o quinto set e sai de forma dramática de Wimbledon
Bia Haddad conta com desistência em apenas 20 minutos e segue para a terceira rodada em Wimbledon

Rune, que foi até as quartas de final em Londres no ano passado, encara na terceira fase o vencedor do duelo entre Karen Khachanov (22º) e Quentin Halys (220º).